Escolha uma Página
  1. Aquela pessoa que você admira também sente medo.

Todos sentimos. Aquela pessoa que você vê como superior a você também tem suas fraquezas. A questão é que a gente sempre supervaloriza os pontos fortes do outro e compara com nossos pontos fracos.

  1. Você vai brigar com os nãos que a vida dá até entender que eles são o único caminho que ela encontrou para que você fizesse o que realmente deveria fazer.

Na hora vai doer, você vai reclamar e até se enraivecer, mas se souber utilizar a situação a seu favor, vai perceber que algumas coisas acontecem apenas para nos levar a fazer aquilo que temos que fazer e que jamais faríamos se certas situações não tivessem acontecido. O não é um sim escondido. 

  1. O tempo é uma armadilha que faz você super valorizar o que pode fazer em 1 ano e ignorar o que faz em 5 ou 10.

Quando você olha para o último ano da sua vida pode até parecer que você conquistou poucas coisas, agora se você observa os últimos 10, vai perceber que muita coisa mudou. Sendo assim, como pretende estar nos próximos 10 anos? 

  1. Se algo ainda te machuca e causa dor é porque você ainda não aprendeu tudo que deveria aprender com essa experiência.

A verdadeira liberdade caminha junto com as lembranças e com a saudade, mas ela não combina com a mágoa e a agressividade. Se ainda há raiva, dor ou incômodo, existe algo não resolvido, existe ensinamento que não foi aprendido. 

  1. As pessoas se esquecem fácil de que um dia já oraram pra ter aquilo que hoje é motivo de reclamação.

E isso serve para relacionamento, empregos, cursos, empreendimentos e tantas outras coisas pelas quais já lutamos e que hoje são motivo de raiva, briga, lamentos e decepções. O tempo passa, a gente se acostuma e troca a gratidão pela insatisfação. 

  1. Você pode não saber, mas você tem medo de que seus sonhos se tornem realidade.

E se der certo e você tiver que mudar toda sua vida e perder o controle que você tem sobre as coisas? E se der certo e você tiver que lidar com questões e pessoas ainda desconhecidas? Às vezes, o maior empecilho para alcançar seus objetivos é o medo que você nem sabe que tem.

  1. Enquanto sua carência for maior que o seu amor próprio, você vai se esconder em vários amores para suprir a falta que sente de si mesmo.

A maioria das pessoas sustenta relacionamentos doentios por medo da solidão. Apenas quando entenderem que a solidão é uma grande companheira para o crescimento pessoal é que poderão apreciar sua própria companhia. Se nem você se suporta, não imponha sua presença ao outro. Descubra o melhor que há em você e então compartilhe. 

  1. Às vezes você precisa deixar os outros sentirem sua falta. Quando sua presença é excesso, só aprendem a te valorizar na escassez.

A lei da oferta e da demanda também se aplica na vida. As pessoas só dão valor ao que é escasso, sendo assim, saia de cena estrategicamente. Deixe que sintam sua falta. Produto em excesso acumula poeira na prateleira. Raridades são exclusivas e não é todo mundo que tem, apenas quem pode e merece. 

  1. O momento em que começamos a buscar o controle das coisas é o exato instante em que o perdemos.

Excesso de controle é medo e insegurança. A mínima tentativa de controlar já denota o medo de perder. Controle não é foco e atenção, controle é desespero e despreparo. Quem realmente se garante e é seguro tem a autoconfiança como aliada e não precisa ser controlador. 

  1. Você não vai conseguir mudar o mundo, mas você é capaz de causar uma revolução em sua vida se mudar a si mesmo.

As pessoas querem lutar por grandes causas e salvar a humanidade sem antes ter enfrentado a maior de todas as batalhas: vencer seus impulsos e não se dobrar às tentações. Você é o seu maior desafio. Nenhuma guerra pode ser vencida sem que você vença suas lutas internas primeiramente.

Leia também: 30 Informações sobre a vida que talvez ainda não tenham te contado.